O que é Bitcoin – Definição de Bitcoin e como ele funciona

Se você é uma das pessoas que não sabem ainda o que é Bitcoin, vai encontrar nesta matéria todas as respostas para suas dúvidas, em um roteiro completo para que você possa entender o que é e como funciona o mercado de Bitcoins.

As criptomoedas, meios de pagamento online, uma ideia que surgiu na década passada e que durante muito tempo ficou como um assunto restrito ao mundo dos empreendedores online mais sofisticados, aos poucos foram ganhando tamanho e hoje em dia já chegam a preocupar muitos governos.

Uma resposta bem simples para o que é Bitcoin seria de que ela é uma moeda virtual, um meio de pagamento que pode ser empregado para qualquer tipo de transação comercial.

Isso não seria novidade por si só, pois o modelo, pelo menos do ponto de vista deste conceito simples, já existe há vários anos. O problema é que com a aceitação crescente dessa forma de pagamento, os Bitcois passaram a ser encaradas como um ativo financeiro.

Isso criou um mercado gigantesco de pessoas transacionando Bitcoins no mundo inteiro, desde jovens nerds isolados em seus quartos em casa até investidores de grandes fundos de investimentos internacionais.

Até aí, também tudo bem, já que isso seria uma tendência natural para negociação de um ativo com aceitação mundial como o ouro e moedas fortes como o dólar e euro.

O problema é que o Bitcoin não é emitida por nenhum governo e mais ainda, não sofre qualquer tipo de controle sobre sua circulação e propriedade. É uma moeda quase que invisível para os bancos centrais do mundo inteiro.

O conceito de Bitcoin parece confuso para você? Bem, não se preocupe, pois vamos explica-lo da forma mais simples possível durante este artigo, pois daqui a um tempo, não saber o que significa Bitcoin poderá fazer com que você pareça ter vindo de outro planeta.

Para tornar nossa explicação sobre o que é Bitcoin mais didática, dividimos este artigo nos seguintes tópicos:

  • O conceito que envolve o Bitcoin
  • Um pouco da história dos Bitcoins
  • Principais características dos Bitcoins
  • Como conseguir Bitcoins
  • Onde ficam guardas os Bitcoins
  • O futuro do mercado de Bitcoins

O passo a passo para entender o que é Bitcoin

Primeiramente vamos explorar alguns conceitos básicos sobre Bitcoins, para que na medida em que apresentamos as explicações sobre o que são e como funcionam os Bitcoins, você possa ir construindo um conhecimento sólido sobre o assunto.

1 – O conceito por trás das Bitcoins

O Bitcoin nada mais é do que uma moeda virtual que pode ser usada para os mais diversos propósitos, como a compra de produtos, pagamento de serviços e até mesmo para compra de outras moedas tradicionais, como dólares e Euros.

Segundo a definição da Wikipédia mais atualizada o Bitcoin é resumidamente:

Uma moeda digital do tipo criptomoeda descentralizada e, também um sistema econômico alternativo conhecido como Peer-to-Peer Electronic Cash System. É considerada a primeira moeda digital mundial descentralizada, e responsável pelo ressurgimento do sistema bancário livre. – Wikipédia

Como os Bitcoins transitam através de uma rede descentralizada, um sistema econômico alternativo que envolve a tecnologia Peer to Peer, a moeda passa por intermediários e não possui uma administração central que possa influenciar o seu valor ou negociabilidade.

Isso, pelo menos na teoria, evita que as autoridades financeiras e governamentais possam exercer qualquer tipo manipulação, como a emissão de mais moedas para, por exemplo, reduzir a inflação em seus países ou provocar variações em suas taxas de câmbio ou juros.

Podemos dizer que é um conceito revolucionário, pois o Bitcoin não deriva de nenhuma moeda nacional, não é lastreada em nenhum ativo financeiro, como o ouro, por exemplo, e também não é uma mercadoria. A Bitcoin é um ativo em si, como o que chamamos em geometria de axioma, é porque é.

2 – A história da Bitcoin

Além de conhecer o conceito básico dos Bitcoins, para que você possa ter um entendimento completo sobre o assunto, é importante também conhecer um pouco da sua história.

A história do Bitcoin começa, ironicamente, na mesma época do grande crash das bolsas mundiais, que acabou por levar o mundo inteiro a uma grande crise econômica. Nesta época, um desenvolvedor conhecido como Satoshi Nakamoto, publicou um estudo onde estabelecia os fundamentos que iriam nortear o mercado virtual, lançando aí as bases da moeda digital.

Uma das curiosidades envolvendo as Bitcoins e que até hoje ninguém foi capaz de descobrir a verdadeira identidade de Satoshi, e há até mesmo a desconfiança que na verdade ele não é uma pessoa, mas sim um grupo de ativistas das criptomoedas.

Ainda em 2008 foi feita a primeira transação envolvendo a moeda, realizada entre Satoshi e Hal Finney. Na ocasião, a cotação do Bitcoin, ou seja, a taxa de câmbio para estabelecer a paridade entre o dólar e o Bitcoin foi de USD 1 = BTC 1.309,03 tomando como base o Liberty Standard.

Já em 2010 o Bitcoin tinha se consolidado no mercado e já era possível comprar e vender a moeda virtual. A primeira transação comercial registrada com um Bitcoin foi realizada em 2010 na Flórida, e envolvia a compra de… uma pizza.

Atualmente o Bitcoin vem se firmando como um ativo financeiro, apesar das críticas e opiniões de investidores sobre o Bitcoin as vezes não serem muito favoráveis.

Definição de Bitcoin

3 – Principais características das Bitcoins

Definido inicialmente o que é Bitcoin e após contarmos um pouco da história da moeda digital que vem revolucionando o mercado financeiro, vejamos então quais são as suas principais características:

  1. Descentralização
  2. Estoque limitado
  3. Anonimato
  4. Rapidez
  5. Facilidade

Descentralização da Bitcoin

Como a rede Bitcoin não é controlada por nenhuma autoridade financeira ou governamental, e toda máquina que a “minera” ou efetua transações faz parte no negócio, pelo menos, teoricamente não haveria como uma autoridade qualquer intervir em sua estrutura, o que garante a sua confiabilidade.

Estoque limitado

Agora que você tem uma ideia de o que é Bitcoin, é natural, que para fins de investimento ou simples uso, você queira saber qual é o estoque disponível da moeda. A boa notícia é que este estoque é limitado, e dentro do ecossistema da Bitcoin, não pode ser expandido.

Anonimato para quem as possui

As transações feitas através de Bitcoins são devidamente identificadas, mas os proprietários não, ou seja, nome, endereço, CPF e outras informações pessoais não podem ser obtidas por ninguém. É um ativo onde o proprietário fica totalmente no anonimato.

Rapidez

Para os empresários interessados em saber o que é Bitcoin, uma boa notícia. O processamento das ordens de pagamento se dá de maneira bem mais rápida que os feitos através de administradoras de cartões de crédito ou intermediadores de pagamentos. É uma questão de minutos.

Facilidade

Outra das características do Bitcoin que a tornam um ativo financeiro único é a sua facilidade e praticidade. Ao contrário dos bancos, onde encontramos uma burocracia enorme para abrir uma conta, no caso das Bitcoins e outras criptomoedas, isso simplesmente não existe. Qualquer um pode abrir uma conta em segundos.

4 – Como conseguir as seus primeiros Bitcoins

Acreditamos que nossos leitores, além de buscarem saber o que é Bitcoins, também estão super interessados, obviamente, em saber como conseguir os seus primeiros Bitcoins. Então sem mais perda de tempo, vamos ver como fazer isto.

  • Mineração de Bitcoins – É a forma mais direta de você conseguir os seus Bitcoins, participando diretamente do processo de mineração da moeda. É um processo demorado e que irá exigir um computador muito potente para que seja economicamente viável para você.
  • Vendendo produtos e Bitcoins – Essa é outra forma de você conseguir seus Bitcoins. Muitas empresas, até mesmo no Brasil, que já aceitam Bitcoins como forma de pagamento. Por isso, se você vende algo no mundo físico ou online, essa é uma alternativa.
  • Comprando Bitcoins – Talvez você esteja querendo ter essa moeda o mais rápido possível, sem passar pela mineração ou usá-la como moeda no seu negócio. A melhor forma é procurar uma das inúmeras corretoras de Bitcoins disponíveis no mercado brasileiro ou internacional.

Agora que você já sabe o que é Bitcoin e como consegui-las, é hora de pensar onde irá guardar o seu patrimônio digital, não concorda? Então vamos a esta parte já no próximo item.

O que significa Bitcoin

5 – Onde guardar seus Bitcoins

Conseguindo os seus Bitcoins, é hora de saber como guarda-los de forma segura, já que se tratando de um ativo digital, temos sempre este tipo de preocupação, seja com nossos arquivos de trabalho e principalmente com o nosso dinheiro.

A segurança é um dos principais pilares dos Bitcoins e por isso foram desenvolvidas ferramentas conhecidas como carteiras de Bitcoins que têm como função, guardar de forma segura e prática, a moeda virtual.

Com um número cada vez maior de pessoas interessadas em saber como investir em Bitcoins, a primeira coisa a ser feita é descobrir como guardar seus Bitcoins com segurança. Não basta apenas saber o que é Bitcoin, é preciso também saber como guardá-los.

6 – O futuro do mercado de Bitcoins

Agora que você já sabe o que é Bitcoin, conhece um pouco de sua história, características e como conseguir e guardar a moeda virtual, é natural que queira saber também qual é o futuro deste mercado.

O fenômeno das criptomoedas já era previsto por alguns especialistas em tendências digital, mas o que realmente surpreendeu foi a sua disseminação tão rápida, a ponto de incomodar algumas autoridades monetárias mundiais.

O mercado vem se consolidando e ganhando relevância no cenário financeiro internacional, a ponto das principais bolsas de valores do mundo correrem para a criação de um mercado futuro de Bitcoins como forma de oferecer mais uma ferramenta para os investidores.

O futuro da Bitcoin, assim como outras criptomoedas, vai depender da expansão de sua aceitação. Muitos estabelecimentos comerciais já as aceitam como forma de pagamento, assim como já existem fundos de investimento dedicados a moeda.

Com a forte valorização ocorrida em 2017, muita gente já fala no estouro da bolha das Bitcoins, o que poderia ocorrer, mas não como um sinal de falência do sistema, mas apenas como uma acomodação do mercado após sucessivas altas.

Agora que você já tem os conhecimentos iniciais sobre o que é Bitcoin, caso deseje entender um pouco mais sobre o assunto, convidamos a visitar a nossa seção de artigos sobre Bitcoins e assinar a nossa Newsletter.

O que é Bitcoin
5 (100%) 8 votos

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here