Veja quais são as taxas cobradas em uma franquia e o que cada uma delas diz respeito, para poder entender o que você deve exigir do franqueador e de que forma essas taxas irão impactar o seu investimento inicial e o fluxo de caixa do negócio.
Veja quais são as taxas cobradas em uma franquia e o que cada uma delas diz respeito, para poder entender o que você deve exigir do franqueador e de que forma essas taxas irão impactar o seu investimento inicial e o fluxo de caixa do negócio.

Veja quais são as taxas cobradas em uma franquia e entenda sobre o que tratam

Um aspecto negligenciado em alguns casos mas fundamental para o sucesso de uma franquia é saber quais são as taxas cobradas em uma franquia. Estes são custos que afetam não apenas a etapa inicial do negócio, como também o fluxo de caixa futuro do empreendimento.

A relação entre franqueador e franqueado pauta-se por diferentes taxas, a serem acertadas ao longo do desenvolvimento do negócio.

Desde a assinatura do contrato, até os projetos de expansão, todas as fases do empreendimento abrangem acertos taxados que ajudam no sucesso do negócio.

É importante para o empreendedor estar ciente das diversas taxas cobradas em uma franquia já que elas são uma componente do custo que pode fazer uma grande diferença no final das contas.

As taxas geralmente cobradas dos franqueados são descritas a seguir.

Taxa de franquia ou taxa inicial

Quais são as taxas cobradas em uma franquia?
Saiba quais são as taxas cobradas em uma franquia

A Taxa de Franquia é cobrada pelo franqueador do franqueado para que este tenha o direito de fazer parte da rede de franquias. Trata-se, portanto, do preço estabelecido para o ingresso do franqueado em um determinado sistema de franquia.

A taxa de franquia, também chamada taxa de licença, taxa inicial ou franchise fee, consiste num valor único inicial.

As franquias de terceira geração, ao contrário das outras, que “vendem a marca”, em geral garantem aos franqueados o acesso a uma série de serviços, prestados antes do início da operação, cujos custos estão incluídos na taxa de franquia:

  • Programa inicial de treinamento teórico e prático
  • Assistência na escolha e avaliação técnica do ponto para instalação do negócio
  • Apoio na negociação e formalização do contrato de aluguel do ponto comercial
  • Assistência no projeto arquitetônico e orientação da reforma do imóvel
  • Pacote especial de promoção local para a grande inauguração da franquia
  • Manuais de operação do negócio
  • Direito inicial de uso da marca do franqueador
  • Apoio da equipe de inauguração na abertura do negócio

Taxa de royalties

A Taxa de Royalties de uma franquia é um valor que o franqueado paga periodicamente ao franqueador para remunerar a tecnologia que este continua a lhe prestar enquanto perdurar a relação entre ambos. Quase sempre se trata de um percentual fixo, preestabelecido no contrato, aplicado sobre o montante do faturamento bruto da franquia.

Os valores pagos a título de royalties e assistência técnica têm tratamento descrito a seguir.

  1. Beneficiários residentes e domiciliados no país
    • Se o pagamento for efetuado a pessoa física, há incidência do Imposto de Renda mediante aplicação da tabela progressiva mensal, determinando-se a base de cálculo de acordo com as regras comuns aplicáveis aos rendimentos pagos a pessoas físicas;
    • Se o pagamento for efetuado a pessoa jurídica, não há incidência do Imposto na Fonte, exceto no caso de enquadramento como remuneração da prestação de serviços caracterizadamente de natureza profissional.
  2. Beneficiários residentes e domiciliados no exterior – Neste caso os pagamentos estarão sujeitos ao Imposto de Renda na Fonte, à alíquota de 15%, ressalvada a aplicação de alíquota menor eventualmente prevista em acordo firmado pelo Brasil com o país de domicílio do beneficiário (art. 708 do RIR/99 e MP nº 1.851/99).

Taxa de propaganda e promoção

A Taxa de Propaganda e promoção da franquia é paga periodicamente pelo franqueado para a formação de um fundo financeiro cujo objetivo é o de servir ao fomento comercial da franquia pela divulgação de sua marca, produtos e conceitos, além do fomento da própria rede de franquias, principalmente por meio de propaganda, publicidade e outros meios de divulgação.

Taxa de serviço

A Taxa de Serviço da Franquia é o valor cobrado pelo franqueador para a realização de serviços extras (os serviços normais são remunerados pelos royalties).

Taxa de compras

A Taxa de Compras é uma taxa cobrada por alguns franqueadores pelo uso de sua estrutura de compras. É uma franquia bem comum em setores onde o franqueado fornece os insumos, como no caso das franquias de escolas de idiomas.

As taxas cobradas em uma franquia devem ser meticulosamente analisadas antes da aquisição para saber o custo exato do negócio e não ser pego de surpresa mais adiante.

Agora que você já sabe quais são as taxas cobradas em uma franquia, ficará mais fácil analisar as propostas e desenhar o seu projeto. Mantenha-se atualizado sobre esse e outros assuntos referentes ao franchising, assinando nosso Boletim Informativo.

No votes yet.
Please wait...

1 COMENTÁRIO

  1. Bom dia quero saber, estou meio em decisa em abrir um comercio na internet de cosmético, franqueado.
    poderia me ajudar dando orientação antes de eu aceitar.

DEIXE UMA RESPOSTA