A importância dos indicadores de desempenho na empresa

A importância dos indicadores de desempenho na empresa

Uma das principais consequências que a era da informação acarretou para as empresas foi alta competitividade. Uma época que permite ao mercado o acesso às diversas corporações. Com o passar do tempo fomos percebendo que era preciso criar mudanças para se destacar. E uma das estratégias atuais é o conhecimento dos resultados mais precisos quanto possíveis.

Sua empresa sabe fazer isso? Para quem não sabe, é necessário um acompanhamento dos processos do empreendimento desde as implantações de estratégias até os resultados.

Mas ao longo dos anos, percebemos as dificuldades dos empreendedores em trabalhar com a mensuração de desempenho. A ausência de indicadores em uma empresa certamente só traz prejuízos. Porém, o que causa essa carência?

É preciso identificar a fonte do problema, pois este é um trabalho que traz um diferencial competitivo no mercado. E o problema vem do início do processo, na hora de implantar as estratégias.

Para fazer com que o pensamento gerencial se oriente para atividades de análise de resultados, ela precisa saber quais os objetivos e as métricas utilizadas para alcançar bons efeitos. A partir daí avaliar os principais indicadores que se encaixam neste contexto. Mas a grande complexidade de saber como trabalhar com os indicadores se deve à dificuldade de estabelecer os objetivos da organização.

Uma empresa que não sabe precisamente o que quer, não analisa o que faz e não sabe como analisar os resultados. Uma pesquisa realizada pelo Instituto para o Desenvolvimento Sustentável (IDS) mostra que 76,2% dos entrevistados têm em suas organizações valores explicitados, mas somente 41,3% discutiram com seus funcionários os valores definidos.

Este é um indicador que pode ser observado para saber está sendo seguido o que é proposto. Se as metas não são debatidas com os colaboradores, não são seguidas e sequer são analisadas como um indicador.

Os indicadores foram criados justamente para facilitar a compreensão das atividades e fluxos operacionais. A implantação deve ser vista como um fato essencial para as empresas. Muitas vezes por falta de tempo por parte dos empresários ou mau planejamento do tempo, estes quesitos são pouco administrados. Porém, são eles que possibilitam a coleta de dados que respondem se a organização está sendo eficiente em cada especificidade de suas estratégias.

É certo que a maioria das organizações precisa enfrentar a competitividade do mercado atual da melhor forma possível. A dica é abusar destas ferramentas administrativas e criar um perfil empresarial com alto desenvolvimento de conhecimento da organização para obtenção de resultados reais.

Por Gustavo Winkelmann, business coaching da ActionCOACH

No votes yet.
Please wait...

DEIXE UMA RESPOSTA