Veja neste artigo que abrir um negócio próprio não é uma obrigação
Veja neste artigo que abrir um negócio próprio não é uma obrigação

Abrir seu próprio negócio não é uma obrigação

O sonho de abrir seu próprio negócio próprio é uma consequência do espírito empreendedor de qualquer pessoa. Levar este sonho adiante é outra questão.

Ser seu próprio patrão tem obviamente muitas vantagens, principalmente a de poder assumir o controle do seu próprio destino, mas traz obrigatoriamente algumas mudanças.

Muitas pessoas que pensam em abrir seu próprio negócio focam muito no lado das vantagens de se tornar um empresário, principalmente no que diz respeito à questão financeira.

Isso obviamente seduz, mas o outro lado da moeda também tem seu custo e você precisa enfrentar alguns desafios.

Para abrir seu próprio negócio é preciso ter paixão

Abrir seu próprio negócio não é uma obrigação
Abrir seu próprio negócio não é uma obrigação
Um dos fatores de sucesso em qualquer negócio é ter uma verdadeira paixão pelo que você se dedica a fazer. As grandes ideias para ganhar dinheiro surgem, até com certa frequência, de várias formas, mas como transformá-las em realidade? Com paixão e suor.

Se você está pensando em abrir seu próprio negócio apenas pelo retorno financeiro que ele pode lhe proporcionar, suas chances de sucesso podem ser poucas. A ideia é montar um negócio que dure e traga algum tipo de satisfação para os seus clientes e não somente uma transferência de valores.

Nem todos são empreendedores

Outra coisa que você precisa se questionar é se você realmente tem um perfil empreendedor. Muita gente acha que ser dono do seu próprio negócio é fácil e que todo mundo nasce com essa vocação. Não é verdade. Aqui mesmo no site já publicamos algumas matérias sobre isso e o resultado é que muita gente descobriu que realmente não tem esse perfil.

Não ter um perfil empreendedor, também não é nenhuma vergonha. A bem da verdade, conheço alguns “empreendedores” que na verdade se sairiam melhor como consultores de uma grande empresa. São perfis diferentes, e expertises diferenciadas também.

Lidar com riscos é um grande desafio

Todo mundo tem a tendência de olhar a questão do empreendedorismo, unicamente sob o prisma do glamour que a situação apresenta. O que geralmente não surge nas discussões informais é o famoso “Lado Negro da Força”.

Um empreendedor é um gestor de riscos e sabemos que nem todas as pessoas estão dispostas a assumir esses riscos. Quando falo em riscos, não me limito exclusivamente ao risco sistemático do negócios, aquele que não podemos eliminar. Falo também em relação aos riscos que essa decisão pode trazer para sua própria vida em termos de futuro e estabilidade.

Infelizmente, ser um empreendedor não é uma virtude conferida a todos, mas sim a um grupo de pessoas que reune condições especiais e expertises, as vezes inatas para encarar desafios e solucionar situações. Portanto, abrir seu próprio negócio, não deve ser visto como obrigação de vida.

No votes yet.
Please wait...

2 COMENTÁRIOS

  1. Acho que o principal é o desejo ardente. Se possuímos isso, temos meio caminho andado. As demais características podemos adquirir com maior ou menor dificuldade. De fato, cada empreendedor possui qualidades que o diferenciam dos demais, e é por isso que se diz que a empresa tem a cara do seu dono.

  2. Eu penso que muitos empreendedores que não tiveram sucesso poderiam ter tido um resultado muito melhor, olhando o lado financeiro, como representante comercial.

    Uma “Imposição” ou “Tendência” do mercado em incentivar as Franquias não me agrada, principalmente por colocar o novo comerciante em uma situação de obrigação, nem sempre copiar o comportamento de alguém é certeza de se obter o mesmo resultado.

DEIXE UMA RESPOSTA